Let them all talk

mmPostado por

Existem atores que conseguem fazer com que os filmes fiquem realmente bons. Meryl Streep é uma dessas atrizes. Eu posso dizer que a grande maioria das produções na qual ela fez parte e eu assisti, eu gostei. Let them all talk, longa metragem que está na HBO Max, foi um desses exemplos.

Let them all talk
imagem: divulgação

Uma breve sinopse

Meryl Streep faz o papel de Alice, uma escritora que vai receber um prêmio muito importante, em um evento na Inglaterra, mas que por ter medo de avião à princípio recusa o convite. Depois da sugestão de sua editora de ao invés de ir de avião ir de navio, em um cruzeiro, ela aceita com uma condição: levar duas amigas suas, de longa data, e seu sobrinho.

Uma dessas amigas se chama Susan que no primeiro momento não tem certeza se quer ir por receio de deixar o seu trabalho voluntário mas seu filho a convence para dessa vez ela pensar nela e ter a oportunidade de relaxar. A outra amiga, Roberta, é uma vendedora de loja que já não aguenta mais lidar com os perrengues do seu trabalho e também com sua chefe, que é bem mais nova que ela, e aceita na hora.

Tyler, o sobrinho, está bem perdido na vida e Alice vê nessa viagem a chance dele conhecer o mundo literário e o chama para ser seu assistente. A editora também está nesse cruzeiro e vê em Tyler a ponte para que ele convença sua tia a terminar o segundo livro do seu best-seller, apesar de Alice já estar cansada da história e se vê sempre com um bloqueio criativo.

Esse livro, aliás, foi a principal causa do afastamento de Roberta com Alice e ao longo da trama você descobre o porquê e se há ainda esperança da amizade dessas três mulheres, que começou na juventude, ser reestabelecida.

O que eu achei de Let them all talk

A história gira em torno do dilema dessas três amigas e como a honestidade e o perdão são importantes ingredientes para manter uma amizade por muito tempo. Eu achei bem irônico que apesar de Alice ser uma escritora ela não consegue se comunicar e dividir seus sentimentos. Também fala de como uma mágoa pode influenciar o seu presente e trazer consequências para o seu futuro se ela não for resolvida.

Let them all talk é um drama que foge do clichê através de seus diálogos sinceros e traz uma brecha para um olhar ao comportamento humano, nossas expectativas, presunções, frustrações e e especialmente, sobre perdoar o outro e a si mesmo para se libertar.

Também traz um elemento surpresa que quem assistir até o final vai ficar pasmo(a) como eu fiquei. E claro, esse final teria que contar com a sensibilidade e o talento de Meryl Streep.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *