TOP 5 Minhas Favoritas do Snarky Puppy: #EuOuvi

mmPostado por

Os shows desse ano para mim superaram qualquer expectativa. Em outubro realizei um dos meus maiores sonhos que era ver uma apresentação ao vivo do John Mayer. Chegou novembro e Bruno Mars levantou a Marquês de Sapucaí, aqui no Rio, e eu estava lá vendo tudo de pertinho. Para fechar 2017 com chave de ouro terei a chance de ver outra banda que conheci recentemente mas que já fiquei mega fã: Snarky Puppy.

Snarky Puppy
foto: facebook.com/snarkypuppy

Criado pelo baixista e compositor Michael League com um grupo de amigos da faculdade, mais precisamente durante o programa de jazz da University of North Texas, Snarky Puppy hoje conta com 25 músicos, praticamente uma orquestra!

O estilo musical do coletivo não poderia ser outro além de jazz mas ele teve uma transformação por completo três anos depois de sua criação, através de um encontro com o R&B e o gospel que encontrou em uma comunidade de Dallas. Segundo o próprio Snarky Puppy, depois desse encontro o som ficou mais funk, direto e visceral.

Snarky Puppy
foto: facebook.com/snarkypuppy

Parece que toda essa mistura tem dado super certo, com direito a um Grammy em 2014 e o prêmio de melhor banda em 2015 pela JazzTimes Readers Pool, uma revista renomada no mundo do jazz.

Eu conheço o som dessa galera há pouco tempo, desde o ano passado, mas desde o primeiro segundo da primeira música ganhou meus ouvidos e meu coração.

Snarky Puppy
foto: facebook.com/snarkypuppy

Para celebrar a vinda do Snarky Puppy, que fará um show amanhã no Circo Voador, aqui no Rio, nada melhor que um TOP 5 caprichado! 😉

Somebody Home

Essa música, em parceria com o músico David Crosby, é praticamente uma declaração de amor. Aquele amor verdadeiro, sincero, que vê além das aparências e que não quer disfarçar as evidências. Nas palavras de David, que traduzi e merecem ser lidas:

Primeiramente, a canção…”Somebody Home”…o título é uma frase que eu venho usando por anos, significando que tem uma alma humana, uma percepção, presente em uma pessoa. Quando você olha em seus olhos você tem a sensação que alguém familiar está olhando de volta para você. Tem um erro que as pessoas cometem, homens em particular, que é ver somente a parte física de uma mulher e não ver, ou tentar conhecer, a pessoa que ela é. Nossa sociedade é definida dessa maneira: ver a superfície e não a substância. A gente se confunde achando que a embalagem que cobre o presente é melhor que o presente em si. A gente celebra a aparência e esquece da alma e do coração, lugares onde residem a verdadeira beleza. Então, de um jeito, estou tentando pedir desculpas à todas as mulheres em nome de todos os homens.

I Asked

Essa música, assim como Somebody Home, faz parte do álbum Family Dinner Vol.2. O começo parece até aquelas músicas folclóricas europeias, meio Senhor dos Anéis, meio Rei Arthur. Mas depois com violões, trompetes, violinos, todos em uma melodia bem suave, junto com a bela voz de Becca Stevens você percebe que é um convite a uma indagação, quase uma súplica:

I asked, my love, what do you need
To make your wild heart beat
And this my love, he said to me
Wholeheartedly

Amour T’es La

Uma das primeiras que ouvi e me fez sentir que iria ter essa banda na minha playlist. A canção, do álbum Family Dinner Vol.1, começa com um piano maravilhoso e o maravilhoso sotaque e timbre francês de Magda Giannikou. Sabe aquelas  composições que parecem que você está em um musical? Pois é. Amour T’es La é o meu La La Land.

Semente

Aaaaah Semente…Ela me dá uma sensação de familiaridade. Talvez seja a flauta transversal, logo no começo, que me lembra o maracatu ou algum som tradicional do nordeste Brasileiro. Parece uma música brasileira, que você ouviria em uma grande orquestra brasileira. Mas depois essa sensação muda com um arranjo de jazz. A mistura deu certo e eu adorei!

Grown Folks

Grown Folks é uma das mais conhecidas de Snarky Puppy, do álbum Colcha Vulcha (que acabou de ganhar um Grammy como melhor álbum instrumental) e você entende o porquê. É um jazz meio moderno, meio tradicional, que tem uma harmonia perfeita entre os trompetes, trombones e bateria. Você escuta e já fica sacudindo a cabeça para cima e para baixo, tentando entrar no ritmo da música e dançando uma melodia mental.

De vez em quando o Snarky Puppy brinda seus fãs com um live streaming do show em sua página do Facebook.

Esperamos que a apresentação do Circo Voador seja transmitida ao vivo porque tenho certeza que será incrível!

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão com *