Hector e a Procura da Felicidade: #EuVi

mmPostado por

Atualmente o Netflix além de ter se tornado minha fonte principal de séries está sendo também uma boa surpresa para filmes. Dias atrás assisti a um filme chamado Hector e a Procura da Felicidade.

foto: reprodução

É uma mistura de comédia e drama. Tem mais drama que comédia, confesso, mas não é daqueles dramas “pegue o lencinho e prepare-se para a cachoeira que vai sair dos seus olhos”. É mais um drama para refletir sobre a vida. Aquela refletida boa que você faz na rede olhando para as estrelas (esse é o meu jeito de refletir, não sei quanto ao seu. 😂).

Mas vamos à sinopse! Hector (interpretado pelo ator britânico Simon Pegg) é um psiquiatra que vive uma vida bem tranquila e pacata. Tem sua rotina quase que cronometrada, faz as mesmas atividades, os mesmos passeios. Até os passos de sua mulher (interpretada por Rosamud Pike que você deve conhecer por protagonizar o filme Garota Exemplar) são previsíveis.

foto: imdb.com

Até que um belo dia, durante uma sessão em seu consultório com uma paciente, ela disse que ele vive sim uma vida programada, seguindo um roteiro, e ao ler a sua mão a paciente diz que Hector está prestes a viver uma jornada transformadora. Ele não acredita muito mas fica incomodado com o que ela disse sobre viver uma vida programada.

Isso fica tanto na cabeça de Hector que ele começa a olhar as coisas em sua volta e constata que ela tem lá uma razão. E que essa vida regrada não está mais o fazendo feliz. Com isso decide fazer uma viagem em forma de pesquisa para descobrir o que é essa tal de felicidade para levar a  descoberta para seus pacientes.

Primeiro destino foi a China onde ele encontra um magnata que acha que a felicidade é ter dinheiro. Mas Hector percebe que a vida sempre atarefada desse homem e os lugares meio supérfluos que ele frequenta só por status não está o fazendo verdadeiramente feliz. Ele tem um caderninho dado por sua mulher, que não curte muito essa súbita mudança de seu marido, e faz sua primeira anotação: “Muitas pessoas só veem a felicidade no futuro”.

foto: imdb.com

Hector segue sua jornada passando por outros países, conhecendo outras pessoas, outras realidades e tudo que ele anota e encontra acaba também fazendo ele rever alguns conceitos. O que ele achava que seria uma viagem de pesquisa para o seu trabalho realmente o transforma. Mas claro que não vou contar o que acontece porque sou do time do “não spoiler”.

foto: imdb.com

Mas dá para salpicar umas frases para a gente também refletir um pouco sobre essa tal felicidade que todo mundo procura:

Felicidade é pessoal e instrasferível

Felicidade é ser amado por quem você é.

Medo é um obstáculo para a felicidade.

Felicidade é saber como celebrar.

Todos nós podemos ser felizes. Todos nós temos o direito de ser felizes. Todos nós temos a obrigação de sermos felizes.

foto: imdb.com

O filme tem uma boa narrativa e a história é bem contada, de forma que prende sua atenção do começo ao fim. Também dou destaque à atuação de Simon Pegg. Ele é bem conhecido pela comédia, em filmes como Heróis de Ressaca e Chumbo Grosso, mas nesse filme ele mostrou uma versatilidade impressionante para filmes mais intensos. Sua atuação é suave e complexa ao mesmo tempo, do jeito que você torce de verdade para a felicidade de Hector.

Para quem quiser assistir, vale muito a pena procura por Hector e A Procura da Felicidade, no Netflix.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão com *